Notícias

Alimento popular consumido durante os jogos da Copa faz bem para a saúde

Por Jacqueline Moura, 26/06/2018 às 17:35
atualizado em: 26/06/2018 às 18:18

Texto:

Foto: EBC
EBC

Quem não gosta de assistir aos jogos da Copa do Mundo saboreando aquela pipoca feita na hora? Quem tem este hábito pode ficar feliz com a escolha, pois a pipoca é um alimento com muitos benefícios para a saúde. De acordo com o nutrólogo Juan Bernard, fundador do Instituto Mineiro de Nutrologia, o alimento é ‘uma ótima fonte fibras’.

“Normalmente usamos como estratégia nas crianças para poder combater o intestino preguiçoso já que os pequenos têm certa resistência às verduras e legumes. A pipoca também é rica em vitamina E, B3, fósforo, potássio, entre outras”, afirma. 

O nutrólogo ainda faz um alerta sobre a quantidade de sal adicionada à pipoca, que é o grande vilão para a hipertensão. “A grande questão da pipoca é a quantidade de sal a ser usada para temperá-la. Muita gente gosta de colocar muito sal, o que é prejudicial à saúde”, alerta.

Segundo a nutricionista Raphaela Cordeiro, a pipoca ainda é fonte de antioxidantes que ajudam no combate aos radicais livres, responsáveis pelo aparecimento de algumas doenças e pelo envelhecimento precoce. 

No entando, se a pipoca for adicionada a outros ingredientes, deixa de ser saudável. “Pode ser uma boa opção em lanches intermediários desde que não haja exagero e que seja consumida ao natural, pois o exagero pode levar ao ganho de peso. A adição de alguns ingredientes pode esconder todo os benefícios que ela proporciona. Quando ao natural, ou seja, sem acréscimo de nada, a pipoca não tem gordura e possui baixíssimo teor de sódio. 

Outro alerta é que a pipoca de micro-ondas não deve ser consumida devido aos produtos químicos adicionados à sua composição. 

Então, vamos comer pipoca?

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Maior financiador de campanhas, empresário doa R$ 6,3 milhões a 50 candidatos. https://t.co/bbEEbYr6MF https://t.co/tYNEHNlNEt

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Recorrência... 'Sabia que seria um ambiente difícil, mas no meio do caminho percebi que seria pior. '. Leia mais!

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Mais de 80% da procura por hospitais e centros de saúde só acontece quando o paciente já tem quadros mais graves, como infarto e arritmia cardíaca.

    Acessar Link