Notícias

BH tem mais que o dobro de casos de conjuntivite neste ano, em relação a 2017

Por Jacqueline Moura, 13/09/2018 às 15:16
atualizado em: 13/09/2018 às 15:33

Texto:

Belo Horizonte já registrou, em 2018, mais do que o dobro do número de casos de conjuntivite do que todo o ano passado. Em 2107, foram notificados 180 surtos, enquanto neste ano já foram notificados 378 surtos até o mês de agosto. O número ainda deve aumentar já que no inverno há condições mais favoráveis para contaminação e consequentemente propagação da doença. Outro dado alarmante na capital mineira é que, de janeiro a agosto deste ano, mais de 23 mil pessoas foram atendidas em postos de saúde de BH com conjuntivite, número quase cinco vezes maior do que os atendimentos no mesmo período do ano passado, que somaram pouco mais de 5 mil casos. 

“Neste ano, tivemos uma situação diferente, surtos de conjuntivite nos meses de março e abril, isso por causa da maior circulação do vírus responsável pela doença. Agora estamos na primavera, período em que pode aumentar a chance de se contrair a conjuntivite, isso por causa do tempo seco que aumenta o número de partículas no ar. Com isso aumenta também a possibilidade de irritação nos olhos”, explica a diretora de promoção à Saúde e vigilância epidemiológica de BH Lúcia Paixão.

Sintomas

- olhos irritados 
- sensação de areia ou de ciscos nos olhos- secreção purulenta (conjuntivite bacteriana);
- secreção esbranquiçada 
- coceira;
- fotofobia (dor ao olhar para a luz);
- pálpebras grudadas quando a pessoa acorda.

Prevenção

Lúcia Paixão ainda destaca os cuidados que devemos ter para evitar pegar a conjuntivitive. "Redobrar os cuidados com a higiene, nesta época do ano, é essencial":  

- manter as mãos sempre limpas e evitar coçar os olhos;
- não compartilhar maquiagem, roupas de cama, travesseiros, óculos e outros objetos pessoais com pessoas que estão com conjuntivite;  
- evitar locais com grande aglomeração de pessoas nesta época do ano;
- em casos de crianças com suspeita de conjuntivite, não levar à escola por causa do risco de contágio da infecção. 

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽ Léo Silva comemora artilharia na história do Brasileirão, mas lamenta derrota para o Flamengo. Leia mais:… https://t.co/i6F4sSTiVw

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    No confronto direto, quem levou a melhor foi o defensor atleticano, autor no único gol de sua equipe, que não deu a vitória, mas o tornou o recordista de gols na competição co...

    Acessar Link