Notícias

O Botafogo venceu o Grêmio por 1 a 0, neste domingo, na sua arena, em Porto Alegre, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, e garantiu uma vaga na fase preliminar da Copa Libertadores do ano que vem

Quinto colocado

Por Agência Estado , 11/12/2016 às 21:30
atualizado em: 12/12/2016 às 14:10

O Botafogo venceu o Grêmio por 1 a 0, neste domingo, na sua arena, em Porto Alegre, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, e garantiu uma vaga na fase preliminar da Copa Libertadores do ano que vem. Apesar da derrota, a torcida tricolor não se mostrou nem um pouco abatida e, menos de uma semana após o título da Copa do Brasil, fez a festa no estádio por conta do rebaixamento do arquirrival Internacional para a Série B.

A vitória levou o Botafogo aos 59 pontos em uma reação impressionante no segundo turno do Brasileirão. Após amargar a zona de rebaixamento, o time mudou completamente sob o comando do técnico Jair Ventura e escalou a tabela até a quinta posição. Neste sábado, apesar do nervosismo e de jogar com um atleta a menos por 45 minutos, o time carioca mostrou o bom desempenho defensivo e contou o gol de Bruno Silva para sair com a vitória.

Já o Grêmio, que vai à fase de grupos da Libertadores por conta do título da Copa do Brasil, finaliza o Brasileiro na nona colocação, com 53 pontos. A situação era tão confortável para o jogo deste domingo, que o time entrou em campo sem seus principais titulares e até o técnico Renato Gaúcho ficou de fora deixando o comando para James Freitas.

O JOGO - A partida iniciou com o Botafogo naturalmente indo para cima, enquanto o Grêmio tentava apostar nos contra-ataques. Aos três minutos, Sassá bateu com perigo e quase abriu o placar. Aos 14, Emerson Silva cabeceou para fora. Já aos 16, Bruno Silva não desperdiçou. O meia recebeu dentro da área, fez um belo giro e bateu no canto esquerdo para fazer 1 a 0.

O Grêmio só começou a ameaçar a partir da metade do primeiro tempo. Aos 31, Everton tocou para Bolaños, sozinho na meia-lua, mas o atacante mandou por cima do gol. Logo em seguida, aos 33 minutos, o equatoriano desperdiçou nova chance de empatar. Ele recebeu ótimo passe de Caio no meio da área e, na cara do goleiro, bateu em cima de Sidão e a bola saiu para escanteio.

Nos minutos finais, uma "pane" psicológica atingiu o Botafogo. Aos 39, Aírton levou cartão amarelo por fazer cera na reposição de bola. Aos 45, o gremista Negueba fez falta dura em Victor Luís e levou cartão amarelo, mas o lance gerou maior prejuízo ao time carioca. Enquanto o árbitro advertia o jogador da equipe gaúcha, Sassá e Airton discutiram de maneira ríspida e trocaram empurrões. A briga gerou um amarelo para cada e, consequentemente, a expulsão do volante.

Muito irritado com os dois jogadores, o técnico Jair Ventura precisou ser contido pelos atletas na saída para o intervalo. Na volta a campo, o atacante Sassá foi substituído pelo volante Rodrigo Lindoso.

Apesar da derrota de momento, a torcida do Grêmio não parecia impaciente ou triste e até chegou a fazer a festa e passou a cantar mais alto aos oito minutos do segundo tempo, quando o Sport fez 1 a 0 sobre o Figueirense, resultado que implicava no rebaixamento do Inter. A festa aumentou mais ainda aos 23, quando o Fluminense abriu o placar contra o time colorado, levando a Arena Grêmio à loucura.

Com um a mais, o Grêmio passou a ter maior posse de bola, mas pouco arriscava no ataque. Aos 27, o Botafogo quase ampliou em cobrança de falta. Camilo bateu com muito perigo e acertou o travessão do goleiro Léo.

Os anfitriões acordaram a partir dos 30, quando até balançaram as redes, mas o gol foi anulado. Bolaños apareceu para aproveitar rebote de Sidão, mas estava impedido no lance. Quatro minutos mais tarde, o goleiro botafoguense apareceu para salvar o time após uma ótima cabeceio do equatoriano.

Quando o sistema de som anunciou o fim da partida entre Inter e Fluminense com o empate por 1 a 1 e o rebaixamento do time colorado, a Arena Grêmio comemorou como se fosse um gol. Ao apito final, mesmo com a derrota, os torcedores celebravam muito o término da temporada com título da Copa do Brasil e a desgraça do arquirrival. Do lado botafoguense também houve muita festa entre os jogadores pela conquista da vaga na Libertadores.

GRÊMIO 0 x 1 BOTAFOGO

GRÊMIO - Léo; Wallace Oliveira, Rafael Thyere, Kannermann e Iago; Kaio (Arthur), Jailson, Negueba (Guilherme) e Miller Bolaños; Everton e Henrique Almeida (Batista). Técnico - James Freitas.

BOTAFOGO - Sidão; Alemão (Emerson Santos), Joel Carli, Emerson Silva e Victor Luis; Airton, Bruno Silva, Diogo Barbosa e Camilo (Pachu); Rodrigo Pimpão, Sassá (Rodrigo Lindoso). Técnico - Jair Ventura.

GOL - Bruno Silva, aos 16 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Jailson Macedo Freitas (BA).

CARTÕES AMARELOS - Negueba e Jaílson (Grêmio); Emerson Silva, Sassá e Rodrigo Pimpão(Botafogo).

CARTÃO VERMELHO - Airton.

PÚBLICO - 14.101 pagantes (15.634 presentes).

RENDA - R$ 355.874,00.

LOCAL - Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS).

#ItatiaiaNasRedes

RadioItatiaia

A Itatiaia está chamando! É hora da Jornada Esportiva com o timaço da Rádio de Minas! Ouça emoções do Superclássico… https://t.co/AoOdPFvXdg

Acessar Link

RadioItatiaia

RT @claudiorez: Galo escalado https://t.co/xS233DH9sz

Acessar Link

RadioItatiaia

A Itatiaia está chamando! É hora da Jornada Esportiva com o timaço da Rádio de Minas! Acompanhe todas as emoções do Superclássico!!

Acessar Link

RadioItatiaia

PM explica esquema de segurança para o clássic deste domingo, no Mineirão:

Acessar Link