Notícias

Campanha de Vacinação quer proteger meninas e meninos contra vários tipos de câncer

Por Jacqueline Moura, 12/09/2018 às 10:34
atualizado em: 13/09/2018 às 11:57

Texto:

Foto: Manuella Brandolff/ Palácio Piratini
Manuella Brandolff/ Palácio Piratini

Mais de 20 milhões de adolescentes brasileiros devem buscar os postos de saúde para receber a vacina HPV. A convocação é do Ministério da Saúde que lançou, na última semana, nova campanha de vacinação. O Brasil é o primeiro país da América do Sul e o sétimo do mundo a oferecer a vacina HPV para meninos em programas nacionais de imunizações.

Em Minas Gerais, a expectativa é vacinar 884 mil meninas de 9 a 14 anos e 978 mil meninos de 11 a 14 anos. A proteção só é completa quando aplicadas as duas doses da vacina. “A vacina contra HPV já está na rotina de meninas e meninos dentro faixa etária. A campanha de vacinação em andamento serve para conscientizar a importância de se tomar a segunda dose da vacina. Muitos tomaram a primeira dose da vacina e não voltam, seis meses depois, para tomar a segunda dose. Lembrando que os jovens só estão protegidos contra o HPV se tomar as duas doses da vacina”, explica Janaína Fonseca Almeida, diretora de vigilância epidemiológica da Secretaria Estadual de Saúde. 

De acordo com o Ministério da Saúde, a vacina utilizada no Brasil previne 70% cânceres do colo útero, 90% câncer anal, 63% do câncer de pênis, 70% dos cânceres de vagina, 72% dos cânceres de orofaringe e 90% das verrugas genitais. “É importante destacar que não só as meninas, mas os meninos devem tomar as duas doses da vacina, assim indiretamente eles vão proteger também as meninas, além de se protegerem contra câncer de pênis e de ânus. O ideal é se imunizar contra o vírus do HPV antes de começar a atividade sexual, por isso a faixa etária abrange os mais novos”, detalha a representante da Secretaria Estadual de Saúde. 

Ainda segundo Janaína Fonseca Almeida o desafio de vacinar os adolescentes é muito grande, mas em parceria com as escolas a vacinação deve atingir maior número do público-alvo. “A escola tem um papel essencial para ajudar na vacinação contra HPV. Fizemos uma parceria com a Secretaria Estadual de Educação que permite a entrada das equipes de saúde para vacinação nas escolas. Mas precisamos da adesão dos pais e da comunidade escolar para aumentar  adesão à imunização”, destaca.

HPV

O vírus HPV (Papilomavírus Humanos) é sexualmente transmissível e infecta A pele e mucosas da boca ou das áreas genital e anal provocando verrugas e diferentes tipos de cânceres em homens e mulheres, como por exemplo, câncer no útero, ânus, pênis, vagina, orofaringe, entre outros.  

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️ Em jogo de seis pontos, Atlético para na trave e perde para o Flamengo no Rio. Saiba como foi:… https://t.co/mpXZSGzyq0

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚽️ A dupla entrou em campo com o mesmo objetivo: subir na tabela e encostar nos líderes São Paulo e Internacional. E foi o rubro-negro que conquistou o objetivo, vencendo a pa...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Segundo o hospital, o presidenciável não apresenta disfunções orgânicas e seus exames laboratoriais estão estáveis. Leia mais:

    Acessar Link