Ouça a rádio

Compartilhe

Itajubá: PM diz que banco ainda tem explosivos, mas que local 'está sob controle'

Dentre os materiais apreendidos, estavam um escudo de ferro, miguelitos e diversas munições 

Munição de fuzil foi usada durante a ação

Explosivos permanecem na agência bancária atacada por criminosos em Itajubá, no Sul de Minas Gerais, na noite dessa quarta-feira (22). Segundo a major Layla Brunella, da Polícia Militar (PM), o local está isolado, mas não oferece risco à população. 

“Nós ainda temos explosivos dentro da agência bancária, a situação está sob controle, o local está isolado, não há riscos de explosão, mas os militares farão ainda essa retirada e detonação dos explosivos”, explicou em comunicado. 

De acordo com ela, ainda não existem informações oficiais se alguma quantia foi levada do banco. No entanto, dados preliminares apontam que eles não conseguiram levar nada. “A agência bancária não confirmou a retirada de materiais de dentro da agência", destacou. 

Militares usam drones e aeronaves em busca dos demais suspeitos. Até o momento, apenas um homem foi preso. De acordo com a major, cercos e bloqueios foram feitos na região, que está sob “controle da PM”, e que eles estão sem veículos, o que dificulta a fuga. 

Durante a ação, quatro policiais militares e um estudante universitário ficaram feridos.

Escudo e munições 'pesadas'

Policiais militares apreenderam um pneu de porte grande com perfurações, munições de fuzil espalhadas no veículo e no interior da agência, cápsulas deflagradas e miguelitos, ferros retorcidos usados para furar pneus de veículos durante e fuga. "Esses infratores permanecem na fuga tentando ludibriar a instituição, estamos com um deles preso e temos também essas apreensões", destacou a major.

Dentre as apreensões, o que chamou a atenção da polícia foi um escudo de ferro."Um dos materiais apreendidos é muito curioso, é um escudo muito pesado, que também foi localizado perto da agência bancária. Então esses infratores preparados para recepcionar os nossos policiais militares com armas de fogo, com munição pesada e também tentando se proteger, porque sabem que aqui em Minas nós vamos dar essa resposta a altura”, disse. A ação foi registrada em vídeos divulgados por moradores nas redes sociais.


Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido