Ouça a rádio

Compartilhe

Equador: 18 policiais desaparecem após protesto de indígenas

Manifestações no País já duram 10 dias; dois indígenas morreram e 90 ficaram feridos 

Indígenas protestam contra o aumento de preços de produtos básicos

Dezoito policiais estão "desaparecidos" após um ataque de indígenas contra instalações policiais na terça-feira em Puyo, na Amazônia equatoriana, informou nesta quarta-feira o ministro do Interior, Patricio Carrillo.

O ataque também deixou um manifestante morto, como informou na terça à noite o governo, elevando a dois o número de vítimas fatais nos protestos que já duram 10 dias.

Outros seis policiais ficaram "feridos com traumas severos" e mais três estão sendo mantidos retidos pelos indígenas.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido